Especialistas da USF Itamaracá Realizam Ação Educativa Sobre a Hanseníase

Encontro realizado pela Unidade de Saúde da Família (USF) Itamaracá promoveu um bate-papo sobre a Hanseníase destinado aos participantes do grupo de atividade física de baixo impacto, a sessão informativa teve como foco esclarecer dúvidas, além de abordar os sinais, sintomas, diagnóstico e tratamento desta doença infecciosa crônica.

Conduzida pela preceptora de medicina Camilla, juntamente com a residente em Medicina de Família e Comunidade (MFC) Letícia, a preceptora de enfermagem Fabiane e o preceptor de Educação Física (PEF) Fal, a atividade reforçou a importância do conhecimento e do diagnóstico precoce da Hanseníase.

A Hanseníase é uma condição que afeta principalmente a pele, a mucosa e os nervos periféricos, podendo levar a graves complicações se não tratada adequadamente, a transmissão ocorre de uma pessoa para outra e, apesar de ter um longo período de incubação, a detecção e o início do tratamento podem impedir a progressão da doença.

É importante ressaltar que o diagnóstico da Hanseníase é realizado prioritariamente na Atenção Primária à Saúde (APS) e que há tratamento disponível e gratuito pelo Sistema Único de Saúde (SUS), o tratamento eficaz não apenas cura o paciente, mas também interrompe a cadeia de transmissão da doença.

Durante a sessão, os especialistas enfatizaram a relevância da desmistificação da Hanseníase, dado o estigma historicamente associado à doença, esclarecer dúvidas e fornecer informações baseadas em evidências são passos cruciais para o controle e a eliminação desta condição em nossa comunidade.

Este tipo de iniciativa demonstra o compromisso dos profissionais de saúde com a educação como ferramenta de prevenção e promoção da saúde, garantindo que informação de qualidade chegue até a população, proporcionando uma melhor qualidade de vida e bem-estar para todos.

Compartilhar

Você também pode ler

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *