Autor: Priscilla de Araujo Pereira Monteiro

Título: Ferramenta para a gestão do cuidado através da Visita Domiciliar na APS: Escala de Risco Familiar de Coelho-Savassi.

MONTEIRO, Priscilla de Araujo Pereira. Ferramenta para a gestão do cuidado através da Visita Domiciliar na APS: Escala de Risco Familiar de Coelho-Savassi. 2022.36 páginas. Trabalho de Conclusão de Residência – Programa de Residência Multiprofissional em Saúde da Família SESAU/FIOCRUZ. Campo Grande/MS, 2022.

A Atenção Primária à Saúde (APS) visa oferecer ações de promoção, prevenção, manutenção e recuperação da saúde dos indivíduos, família e coletividade, por meio de primeiro acesso, sendo universal, contínuo, integral e promovendo a equidade. Ao decorrer das décadas observou-se que a saúde dos indivíduos estavam relacionadas com as condições que as pessoas viviam, sendo os determinantes para sua saúde, incluindo os fatores sociais. Por este motivo os profissionais da APS devem estar capacitados para identificar fatores que possam interferir nas condições de saúde das famílias do seu território. A Escala de Risco Familiar de Coelho e Savassi proporciona a análise e classificação da vulnerabilidade familiar, classificando-as conforme as sentinelas elencadas na ficha de cadastro familiar. A presente pesquisa tem como objetivo capacitar os profissionais de saúde sobre a Escala de Risco Familiar de Coelho-Savassi. Foram realizados três encontros Foram revisadas literaturas relacionadas ao instrumento em questão para embasamento teórico. Os materiais didáticos foram organizados em nove módulos para aprofundar os conhecimentos dos profissionais da APS sobre vulnerabilidade familiar. Foram realizados três encontros à distância para exposição do instrumento, assim como suas potencialidades, limitações e experiências dos profissionais em suas pesquisas. Após a capacitação foram disponibilizados para os 24 participantes o acesso ao material didático e vídeos autorais, organizados dentro da plataforma virtual ClassRoom. Contudo, sugere-se que esta estratégia seja utilizada nas unidades de saúde do município de Campo Grande/MS.

Palavras-chave: Atenção Primária à saúde. Vulnerabilidade. Fatores de risco.